Enem 2006

Olá!
Eu sei que fiquei tempo demais sem aparecer. Também estou há tempo demais sem escrever fic alguma, sem estudar por mais de duas horas seguidas… E, aparentemente, sem ir bem no Exame Nacional do Ensino Médio.
Fala sério!
 
Parece até conspiração. Ano passado eu prestei Fuvest: foi a prova mais difícil de todos os tempos. Daí esse ano eu prestei ENEM. E não é que tivemos a prova mais fudida de novo? Conseguiram me enrolar no ENEM! Ano passado eu fiz 50. Esse ano, 49, em 63 testes. Fiquei (e ainda estou) um bocado aborrecida. Dá vontade de nem prestar Relações Internacionais mais. Ainda mais depois de vivenciar a política da minha cidade… Eu não tenho lá muita vontade de cuidar do Brasil. Não tô nem aí que o meu signo ocidental e o chinês, meu planeta regente e até mesmo o meu elemento digam que eu sou uma líder natural, porque eu sinceramente não me considero lá muito líder.
 
Momento filosófico!
Signo: Sagitário.
Signo chinês: Dragão.
Planeta regente: Júpiter
Elemento: Fogo.
 
Isso tudo me torna quase uma personagem de cavaleiros do zodíaco! Mas eu nunca fui nenhuma agitadora, não. O que eu faço de diferente é ser sincera… Incomodamente sincera… Meu professor de filosofia sabe que eu não vou com a cara dele… As menininhas idiotas do primeiro colegial da minha escola sabem também que não vou com a cara delas – principalmente as imigrantes… Isso não é característica de líder até onde eu sei, porque um líder deve saber conciliar as habilidades de cada indivíduo em um grupo; deve saber bem em quem pode confiar pra qual atividade. Tem também, que ter uma noção clara do que o povo quer ouvir; e bem, eu não preencho nenhuma das lacunas. Não queria, mas sou só mais um reflexo dessa geração individualista. Eu não tenho nada contra as pessoas quererem tanto ser diferentes das massas; mas querer ser totalmente avesso também causa desunião!
 
Eu acho que todo mundo hoje anda nesse desespero por ser diferente apenas por ter atenção. Como nós brasileiros enxergamos a nossa sociedade como ruim e discriminatória – e nós não vemos a si próprios como ruins e discriminatórios – queremos logo nos destacar, pro bem ou pro mal, afim de obter um pouco de atenção e reconhecimento. Daí a gente encontra esse monte de tribos por aí, vestindo-se de maneiras bizarras, lendo livros desconhecidos… Oras, quando eles realmente tem lá seus motivos, okay. Mas fazer tudo pela busca da popularidade??
 
E tem mais: fragmentar as pessoas nesses pequenos grupos faz a gente perder a noção de que, independentes de seus gostos, do lugar onde nasceram e de várias outras características, nós somos do mesmo filo, classe, ordem, família, gênero e espécie. Coisa de biologia, mas temos todos coisas demais em comum para não nos sentirmos um só. Porque no fim, qual diferença faz quem muda o mundo, desde que ele seja mudado? Parece aula de voz passiva, mas não.
 
Fulano mudou o mundo. -> Coisa de gente egocêntrica.
O mundo foi mudado. – > Na passiva analítica fica muito mais poético e menos individual! Eu estou sempre tentando aplicar os conceitos de união na minha rotina, porque por mais que eu pregue o fim da discriminação, por mais que eu ache o Holocausto o sinal do quão nojento um colega meu de espécie pode ser, existem traços que eu não queria ter. Daí um belo dia eu acordo me sentindo bonita, ou justa, ou inteligente, e é batata: no fim do dia eu estarei chorando por ter pensado demais de mim.
 
Agora mesmo, eu deveria estar estudando Matemática. Vocês já perceberam que eu sempre devia estar estudando Matemática? Geometria é mesmo muito difícil. E olha que eu acertei a pergunta do volume do cilindro ontem! Pura cagada: pensei no preço de uma vela de sétimo dia e numa normal. Dá pra acreditar no quanto eu sou DUH? Minhas linhas de pensamento dariam uma boa edição de Jackass…

Ah., sim! Faz um mês que voltei a treinar karatê e estou super animada. Tudo feliz, tudo dolorido. Fazer o quê… Mas o pessoal é legal lá, eu gosto… Além disso eu estou meio obcecada por observar cada scrap que um certo menino recebe no orkut e isso tá me enlouquecendo… Há mais de um mês eu resolvi apenas olhar para quem valha a pena… Até que eu tive muita fibra!! Mas registremos isso aqui, se este não valer nada como os que vieram antes, eu volto a perder a noção e fico sem nem saber o nome.
 
Como diz no meu novo orkut revoltado com o ENEM, foda-se.

Anúncios

2 opiniões sobre “Enem 2006

  1. Saudações! Pelo q vc flw vc ñ foi tão mal assim!! Realmente, há uma conspiração astrológica: ao seu favor!! Preze seus dons, OK? 😉 Eu ñ tento ser diferente. Eu sou diferente mesmo. E pto final. C eu podesse evitar a atenção das pessoas, evitaria. Ñ dá. Então eu continuo sendo eu mesma. ¬¬ Sorte c. a matemática, eu ñ tenho + t desejo c vc precisa. XD espero q vc se torne uma boa karateka >< Sorte no romance tbm, e q esse valha à pena. ^^
    bjos

  2. Saudações! Comente no meu endereço de sempre, esse endereço de space eu não uso. ^^ Só vim comentar pq eu andei pensando mto em vc durante a viagem ^^
    bjos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s