I’m only happy when it rains

Quem lê blog, ultimamente, está sempre atrás dos problemas, dos questionamentos, dos sofrimentos e, principalmente, das injustiças. Eu mesma leio uma quantidade de posts sobre desigualdade de raça, gênero, idade, classe social… Compartilho, discuto e tudo o mais. Num momento como esse, é realmente bom lembrar que eu nunca escrevi esse blog muito pra outra […]

As brincadeiras de mau gosto, a ditadura gay e a patrulha do politicamente correto

Queria começar este post dando os parabéns à UFMG, que está nas notícias nacionais desde ontem. Que beleza, hein? Meus parabéns. Eu acho difícil tratar com qualquer coisa além de ironia e sarcasmo essa história do trote da Escola de Direito. Francamente, é uma decepção difícil de exprimir. Não que não existisse trote quando eu […]

Comentário: The Perks of Being a Wallflower

Aviso: como todos os meus comentários, temos spoilers aqui.   “Why do I and the people I love always pick people who make us feel like we’re nothing?” A pergunta de Sam, personagem da Emma Watson foi o que mais ressoou na minha cabeça. Não dá pra negar: por quê? Eu conheço e convivo com […]

Comentário: The Hunger Games

Disclaimer: como na maioria dos meus comentários, este post terá vários spoilers. Então saiba que vou falar da história do primeiro livro e filme sem restrições. É difícil achar algo que eu não goste em Hunger Games. Gosto do título, da protagonista, do estilo, do ritmo, da história, da adaptação para filme, das emoções, e […]

Diário de Férias #3

Hoje eu estava vendo um programa da National Geographic sobre alterações corporais. Todo tipo de loucura: mulheres que injetam azeite no rosto pra ter uma pele mais bonita, mulheres que quebram as duas pernas pra tentar ganhar 3 centímetros de altura, anoréxicas, brasileiras com síndrome de dismorfia corporal que buscam aumentar os peitos desesperadamente. Bem, […]

Comentário: The Casual Vacancy

The Casual Vacancy, publicado no Brasil como A Morte Súbita, é a primeira tentativa de J.K. Rowling de escrever um romance para adultos, sem nenhuma referência ou conexão com o mundo mágico da série Harry Potter. Terminei de lê-lo ontem, e finalmente pude ler spoilers: a maioria dos comentários apontava coisas previsíveis no livro e […]

2013

Não vou escrever sobre as coisas que fiz esse ano. Digo porquê: conquistei coisa pra caralho, mas não acho que nenhuma delas veio com o esforço que fiz neste ano mesmo. Acho que fui muito mais útil pro mundo nos anos anteriores, e esse ano só fiquei colhendo os resultados. Seja com trabalho, com formatura, […]

Cada um na sua ilha

Já faz um ano que eu não hesito quando me perguntam se os gringos são frios, e se os brasileiros são pessoas mais calorosas quando o assunto é interação social. Veja bem, eu não mudei de opinião; continuo achando que, a julgar pela minha experiência pessoal, o que vi dos gringos é que era muito, […]